Login
Atualizado a 17 Apr, 2019

Down Cooking no Festival do Chocolate: a inclusão pela cozinha

Cozinhar de forma diferente
 
A propósito do festival “Chocolate em Lisboa, que decorre no Campo Pequeno em Lisboa, até ao próximo dia 3 de fevereiro, jovens com Síndrome de Down vão ser as estrelas de dois workshops a eles direcionados. «Trabalhar o Chocolate de Forma Diferente» é o nome da iniciativa que visa promover a inclusão, mas que não se esgota nas iniciativas previstas para os dias do festival.
 
A responsabilidade da organização dos workshops é da Prochef, empresa especializada em fardamento para profissionais de cozinha e restauração. Aliás, graças à iniciativa da sua proprietária, Orquídea Silva, têm sido dinamizadas várias iniciativas que visam promover a inclusão de jovens com o Síndrome de Down no mercado de trabalho. Orquídea Silva diz: “São pessoas muito comunicativas, honestas, muito bem-dispostos…acho que são colaboradores que toda a gente quer ter e que merecem a nossa atenção”.
 
Cozinhar de forma diferente

Atualmente, a Prochef procura empresas parceiras que possam ajudar a criar a primeira academia para formação e emprego. Orquídea Silva explica: “O projeto já existe desde 2011 e eu também cresci com estes jovens. Agora estou a tentar que as empresas os vejam como profissionais e sejam criadas as oportunidades para que eles possam ser incluídos no mercado de trabalho. Amanhã vamos ter alguns jovens que já estão a trabalhar – alguns em algumas Câmaras Municipais, que têm ajudado e aberto algumas portas - e outros que já estão na idade de começar”.

A empresária sublinha que não é um trabalho fácil, mas que confia no espírito de interajuda dos portugueses. “Precisamos que empresas de várias áreas se associem a este projeto para conseguirmos os equipamentos, a decoração… e o objetivo final é que o que seja produzido na Academia seja vendido para que os jovens possam receber o seu salário e possam ser autónomos”.

A Prochef já encontrou um espaço no Norte e tem contacto com a iniciativa dos pais dos jovens, que também desejam uma sociedade inclusiva para os seus filhos. No entanto, são necessários outros apoios para que as boas intenções se transformem em realidade: “Precisamos avançar com este projeto com outras empresas e gostaríamos que fosse um espaço aberto ao público, para que as pessoas tenham a oportunidade de o conhecer, e onde não falte calor humano”.

 

A linha Kids e a aposta na internacionalização

 
A Prochef também está a participar no festival para apresentar a sua linha Prochef Kids. Miniaturas de jalecas, aventais e outros fardamentos, que surgiram como uma forma de reaproveitar as sobras da criação das coleções da marca. “Quando cortamos uma peça sobra sempre tecido e decidimos fazer peças mais pequenas. “A cozinha está na moda e nós queremos transmitir que a cozinha é um sítio ótimo para as crianças estarem e que os pais também podem ter esse tempo de partilha com eles”.
 
Prochef no Chocolate em Lisboa

Para 2019 há planos de internacionalização, que se tornam possíveis graças à parceria com outras duas fábricas, uma vez que as da Prochef esgotavam toda a sua capacidade com o mercado nacional.

“Também vamos adotar uma imagem mais internacional. Assinámos agora um contrato com Martín Berasategui, o chef que tem dez estrelas Michelin, e é ele que vai ser a nossa imagem para o mercado internacional”, explica Orquídea Silva.

Apesar do crescimento, a Prochef faz questão de manter um serviço personalizado: “A maior parte das fábricas só aceita trabalhos em quantidades industriais e eu sempre disse que nunca irei fazer isso. Se um chef quer uma jaleca com um corte específico, o nosso Atelier faz".

Com sede em Vila do Conde e loja na Póvoa de Varzim, a Prochef conta atualmente com 22 funcionários, tem fábrica própria e uma parceria com outras duas unidades de confeção.
 
Especializada em fardamento e acessórios para chefs de cozinha, restauração e hotelaria, tem um vasto portefólio de coleções e presta ainda um serviço personalizado de acordo com a temática que o cliente pretende.

Paralelamente, disponibiliza ainda serviços na área do agenciamento e criação de eventos com os chefs parceiros, através da marca Prochef Agency.

O grupo Prochef conta ainda com a marca «Fat-Tank», que disponibiliza à indústria hoteleira e de restauração soluções de limpeza e desinfeção de louça e utensílios problemáticos numa cozinha profissional.