Login

Queijo São Jorge DOP promovido no continente

Queijo SJorge DOP

A LactAçores, união de cooperativas produtoras de lacticínios dos Açores, fez um evento dedicado ao Queijo São Jorge DOP, num evento que teve como objetivo dinamizar e sensibilizar para a importância do produto na economia regional e no Património Gastronómico Nacional.


Marcaram presença vários membros do governo, profissionais do setor dos lacticínios e o Chef Vítor Sobral, que contribuiu com o pão da Padaria da Esquina numa degustação de queijos e vinhos açorianos.
O Queijo São Jorge DOP é da Uniqueijo, produzido em exclusivo na ilha de São Jorge desde que esta foi descoberta, no século XV.

As excelentes condições climáticas do solo na ilha para a produção de pastagem - e a introdução de gado ainda antes do seu povoamento - levaram os habitantes a recorrer ao fabrico de queijos como reserva alimentar e assim aproveitarem o excesso de leite.

Entre os primeiros povoadores da ilha estavam os Flamengos, que vieram encontrar nas zonas altas um clima semelhante ao da sua terra de origem, e se habituaram a produzir carne, leite e lacticínios, em particular os queijos.

Sabe-se que há cerca de 200 anos o queijo de São Jorge já tinha a forma atual, cilíndrica e volumosa, tendo-se chegado a produzir alguns por encomenda especial. Em 1986, foi criada a Região Demarcada do Queijo de São Jorge e atribuída a regulamentação do registo de Denominação de Origem Protegida (DOP) à marca Queijo de São Jorge.

Lactaçores



O queijo deve a sua especificidade às características dos pastos abundantes nas zonas de média e elevada altitude, onde existem as chamadas ‘ervas de misturas’, uma combinação natural de gramíneas e leguminosas que se refletem nas propriedades organoléticas do leite.

Entre as suas principais características, bem distintas dos restantes queijos da ilha, encontramos o aroma e sabor forte e ligeiramente picante, particularidades que se vão acentuando com o tempo de cura, que pode ir dos 3 aos 36 meses; a consistência firme, de pasta amarelada, dura ou semi-dura; e um processo de fabrico artesanal que inclui o coalho animal, de leite de vaca inteiro e cru, o fermento natural e a salga direta na massa. O Queijo São Jorge DOP está disponível nos formatos inteiro, quartos, fatias, rolos e ralado.

Fundada em 2004 nos Açores, a LactAçores é formada por cooperativas que representam cada ilha do arquipélago, entre elas a Uniqueijo (São Jorge), a C.A.L.F (Faial), a Unileite (São Miguel) e a Leite Montanha (Pico).
Operando a nível global, com exportações para os cinco continentes, a LactAçores comercializa essencialmente leite, natas, queijos e manteiga, através da distribuição dos seus produtos, do armazenamento e do apoio logístico, trabalhando no total com 1113 produtores, 569 funcionários e 238.504.381 litros de leite.
As plataformas vocacionadas para o abastecimento dos mercados encontram-se nas ilhas de São Miguel, São Jorge, Faial e em Portugal Continental, no complexo logístico de Vila Franca de Xira, que tem capacidade para 800 toneladas de queijo e manteiga e 9 milhões de litros de leite.